ARGENTINA

 

As Regiões:

REGIÃO NORTE

A região norte é constituída por cinco subregiões em direção norte-sul: Jujuy, Salta, Catamarca, Rioja e San Juan, sendo que as duas últimas formam o Valle del Tulum. A sub-região de Salta também costuma ser denominada Salta-Cafayate e a sub-região de Rioja compreende os distritos de Nonogasta e Chilecito.

A região norte produz poucos vinhos de qualidade e grande quantidade de destilados vínicos. Os destaques são para as sub-regiões de Salta, onde se faz o melhor vinho da uva Torrontés (uva branca muito plantada no país), e San Juan, cujos vinhedos fornecem 18% da produção do país e faz bons vinhos das uvas Malbec e Cabernet Sauvignon.

 

REGIÃO CENTRO - Mendoza

Mendoza é a mais importante zona vinícola Argentina, com produção de 75% do total de vinhos do país e 85% dos vinhos de qualidade! Possui vários distritos tais como Agrelo, Drumond, Luján de Cuyo, Maipú, Perdriel, Rivadavia, Rodeo de La Cruz, San Rafael e Tupungato. Deles, o mais importante é San Rafael, com seus subdistritos de Paredes, Alto de Las Paredes e Rama Caída, que alguns consideram uma zona vinícola à parte de Mendoza.



REGIÃO SUL - Neuquén e Rio Negro

Seus vinhedos correspondem a apenas 5% da área cultivada no país, mas é considerada uma região promissora, possuindo clima mais frio, semelhante aos das melhores regiões chilenas. A região está no Alto Valle del Rio Negro e divide-se nas sub-regiões Neuquén e Rio Negro.

 

 

UVAS TINTAS

Barbera, Bonarda, Nebbiolo, Dolcetto, Sangiovese, Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc,  Malbec, Merlot,  Petit Verdot, Pinot Noir, Syrah, Tempranillo

 

UVAS BRANCAS

Chardonnay, Sauvignon Blanc, Chenin Blanc, Viognier, Moscato Bianco, Tocai, Moscatel, Pedro Ximenez, Riesling,  Torrontés

 

◄ Voltar